• 02
    ago

    Por que o seu cachorro não para de se coçar?

    http://animallemundopet.com.br/por-que-o-seu-cachorro-nao-para-de-se-cocar/
    by
    posted in Cães

    Uma das maiores aflições de donos de cães é ver o seu animal se coçando. O problema pode ir muito além das pulgas e significar, até, uma doença um pouco mais grave. Listamos 5 razões comuns para seu cachorro estar se coçando sem parar.

    Sarna

    É importante saber, primeiramente, que nem toda sarna causa coceira. Essa doença de pele é contagiosa e causada por um ácaro. Um sinal forte de que a doença se instalou no seu animal é a perda de pelo em regiões perto da boca e dos olhos e também nas patas. A sarna, normalmente, passa em algumas semanas, porém, se não tratada com pomadas tópicas, pode retornar e atingir outras partes do corpo do animal. O cão se coçando continuamente pode ferir de forma grave a pele.

    Alergia

    A alergia é mais comum nos cães do que se imagina, e pode ser causada por algum alimento ou por contato com algum produto. Se o cachorro lamber muito um local, com o intuito de aliviar a coceira, e cada vez perder mais pelo nesse lugar, é bem possível que ele esteja com alergia a algo. O ideal é levar o cão ao veterinário, que identificará a causa da coceira e o tipo de alergia que o cão está, podendo, assim, medicar o animal da forma correta.

    Dermatofitose ou tinha

    A dermatofitose é uma doença altamente transmissível entre animais e pode atingir, até mesmo, humanos. Ela é causada por um fungo que provoca vermelhidão na pele e queda do pelo. Com o cuidado correto, em três semanas a doença desaparece, mas é preciso procurar um veterinário para dar o tratamento correto ao seu cão. Se caso tiver mais de um animal na casa, é preciso que todos façam o teste de contaminação, pois um animal pode estar com a doença e ela ainda não ter se manifestado.

    Piodermite

    A piodermite é causada por uma bactéria e precisa ser tratada com antibióticos. Nos seus estágios mais graves, ela pode causar pus e até mesmo uma úlcera, atingindo a parte profunda do tecido do animal. Um exame clínico consegue identificar se o cão tem a doença, e com xampus antissépticos, juntamente com o antibiótico, a doença é curada em algumas semanas.

    Pulgas

    A causa mais comum de coceiras em cachorro é a proliferação de pulgas. O que causa a coceira no animal é a saliva da pulga, que fica no corpo do cachorro quando ele é mordido. Mas a pulga é menos inofensiva do que se pensa; ela pode trazer várias doenças para o cão, como a dermatite alérgica, que causa uma coceira intensa, e, até mesmo, vermes. Para que isso não aconteça, é importante que o cão seja sempre vermifugado; se filhote, de mês em mês, quando maior, de 4 em 4 meses.

Comments